Maratona de programação foi realizada com sucesso no Acre

Os grupos que finalizaram, vieram com propostas que estão de encontro com alguns problemas que a gente vem enfrentando

Publicado em 06/10/2015 - 04:44

Os participantes ficaram 24hs desenvolvendo uma solução para melhorar o Acre (Foto: Edna Medeiros/Secom)

Os participantes ficaram 24hs desenvolvendo uma solução para melhorar o Acre (Foto: Edna Medeiros/Secom)

Ocorreu no último fim de semana o primeiro Hackathon do Acre, uma maratona de programação. O evento fez parte de III Semana de Inovação, Economia Criativa e Digital realizada na Uninorte pelo governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (Sect) e pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

A maratona reuniu designers, programadores e outros profissionais da área de negócios. Em 24 horas os participantes tiveram que desenvolver uma solução para o tema “Como a tecnologia pode transformar o Acre”. Ao final, sete grupos apresentaram seus projetos.

A equipe vencedora que desenvolveu o site Donar, ficou muito feliz com o resultado (Foto: Edna Medeiros/Secom)

A equipe vencedora que desenvolveu o site Donar, ficou muito feliz com o resultado (Foto: Edna Medeiros/Secom)

“Os grupos que finalizaram, vieram com propostas que estão de encontro com alguns problemas que a gente vem enfrentando ano a ano, por exemplo, a enchente. As propostas vem agregar no desenvolvimento local” diz Jorge Freitas, gerente adjunto de inovação e tecnologia do Sebrae.

Os projetos foram avaliados por uma banca que chegou ao vencedor.  Donar, um site que junta às pessoas que precisam de doações com as que querem doar foi à ideia campeã. “A gente saiu desenvolvendo a ideia e no meio começou a se apaixonar, porque viu que era uma coisa que poderíamos ajudar o próximo sem ter muito esforço. E o resultado é que graças a Deus vencemos o Hackathon”, afirma Thiago Chaves, integrante da equipe que venceu o Hackathon.

A secretária de Estado de Ciência e Tecnologia, Renata Souza, afirmou que o governo vai continuar apoiando os empreendedores. “Agora é continuar trabalhando nas soluções que começaram a desenvolver no Hackathon, melhorando para que possamos ter essas soluções no mercado ou em parceria com o governo ou na área de empreendedorismo com empresas privadas” disse.

Por Larissa Costa

Comentários