Governo comemora início das obras de recuperação da BR-364

Publicado em 30/08/2015 - 00:12

O governo federal liberou R$ 78 milhões para recuperação da rodovia (Foto: Gleilson Miranda/Secom)

O governo federal liberou R$ 78 milhões para recuperação da rodovia (Foto: Gleilson Miranda/Secom)

A manhã deste sábado, 29, começou com a efetivação de uma grande conquista para a integração rodoviária do Acre: a assinatura da ordem de serviço que autoriza o início das obras de recuperação da BR-364, nos trechos entre Sena Madureira e Cruzeiro do Sul. O governador Tião Viana recebeu na Casa Civil, os representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), que, juntos aos titulares das empresas executoras das obras pactuaram o início dos serviços.

O recurso de R$ 78 milhões é oriundo do governo federal, e as máquinas e insumos já começam a operar e a serem transportados para os trechos a partir desta segunda, 31. Deputados federais, estaduais e representantes das empresas também acompanharam o ato.

Na ocasião, o governador Tião Viana lembrou os esforços do governo para unir o Acre, um processo de integração feito dentro das condições de orçamentos que o governo tinha, e de acordo com as condições de engenharia possíveis à época. Agora o Dnit vai fazer uma reconstrução como a que foi feita no trecho entre Rio Branco e Sena Madureira, a fim de consolidar uma etapa mais definitiva.

“Essa é uma ação emergencial, para o início da reconstrução com as melhores bases da engenharia e infraestrutura rodoviária. Tenho muita gratidão à presidente Dilma Rousseff por essa mão estendida ao Acre nessa hora que a gente tanto precisa”, agradeceu Tião Viana.

Mais R$ 24 milhões para obras de conservação

Máquinas e insumos começam a operar e a serem transportados para os trechos a partir da segunda, 31(Foto: Gleilson Miranda/Secom)

Máquinas e insumos começam a operar e a serem transportados para os trechos a partir da segunda, 31(Foto: Gleilson Miranda/Secom)

O superintendente regional do Dnit, Robson Loure, contou que o trecho contemplado entre Sena Madureira e o Rio Liberdade soma 47 quilômetros e está classificado como os pontos mais críticos. Além do recurso autorizado, foram liberados mais R$ 24 milhões que serão distribuídos nos contratos de conservação, a fim de que o trecho se mantenha todo trafegável.

“Iremos avançar na fase de testes para aplicar os resultados que dão mais certo para uma reconstrução durável e de qualidade. A previsão geral dessa reconstrução é de cerca de 400 quilômetros”, conta Loure.

O empresário Jarbas Soster, representante de uma das empresas executoras das obras, contou que a Fundação de Tecnologia do Acre (Funtac) deve entregar na segunda, 31, o resultado dos ensaios dos materiais de testes de solo. “A partir daí é que começa todo o processo de logística para o transporte dos insumos para os trechos, que deve ocorrer já nesta quarta-feira, 2”.

Parlamentares apoiam luta pela integração do Acre

A ordem de serviço autoriza o início das obras de recuperação da BR-364, nos trechos entre Sena Madureira e Cruzeiro do Sul (Foto: Gleilson Miranda/Secom)

A ordem de serviço autoriza o início das obras de recuperação da BR-364, nos trechos entre Sena Madureira e Cruzeiro do Sul (Foto: Gleilson Miranda/Secom)

Os deputados federais Léo de Brito e César Messias lembraram os esforços intensos do governo com o Dnit junto ao governo federal, e garantiram total apoio na luta para que as regiões acreanas continuem integradas.

“Há pouco tempo estivemos com o diretor-nacional do Dnit percorrendo todos os trechos da BR-364 e hoje, temos uma resposta rápida do governo federal, graças aos esforços incansáveis do governo” lembrou César Messias.

O deputado federal Léo de Brito mencionou que desde o início tem acompanhado as intervenções do governo. “Enquanto parlamentares, vamos continuar acompanhando esse trabalho, garantindo todo o apoio possível”, disse Léo de Brito.

O primeiro secretário da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado estadual Manoel Moraes, falou em nome dos deputados estaduais presentes e garantiu que se manterão firmes na luta pela efetivação das ações na rodovia.

“Essa é a maior resposta que o governo do Estado e o governo federal poderiam dar ao Acre. A base na Aleac estará sempre unida para colaborar e avançar nessas ações”, garantiu o parlamentar.

Comentários