Extrativistas e produtores do Juruá destacam investimentos na agricultura

Publicado em 12/02/2018 - 14:58

“Esta parceria com o governo do Estado nos proporcionou um desenvolvimento nunca antes visto aqui. Hoje, nossos produtores estão vendo como as coisas acontecem dentro da comunidade.” O reconhecimento é do produtor rural Cleomilton Rocha, mais conhecido como “Xuxa”, que preside a Associação Agroextrativista São Francisco de Assis.

Investimentos estão transformando a vida dos agricultores do Juruá (Foto: Arison Jardim/Secom)

Com uma economia de base diversificada, o governo do Acre tem impulsionado a produção sustentável na floresta por meio do Programa de Fruticultura, que reúne um investimento de R$ 38 milhões. A iniciativa, além de fomentar o plantio de espécies frutíferas, com alto valor de mercado, contribui para a recuperação de áreas alteradas, geração de emprego e renda na floresta e para a segurança alimentar dos agricultores.

No Complexo Estadual de Florestas do Gregório, localizado na região do Tarauacá e Vale do Juruá, a Secretaria de Estado Agroflorestal e Produção Familiar (Seaprof) tem apoiado as 14 associações de produtores e extrativistas com entregas de mudas e equipamentos agrícolas, num investimento de mais de três milhões, oriundo do Programa de Desenvolvimento Sustentável do Acre (PDSA fase dois).

Maria Aparecida Nunes é presidente da Associação de Produtores da Vila São Vicente. Para ela, o trabalho integrado entre a comunidade e o Estado proporciona o acesso a conhecimento. “A gente em aprendido muito, graças às capacitações que recebemos. Antes em nossa comunidade, tudo era muito difícil. Com os investimentos, muita coisa mudou”, salientou.

Contemplados com a aquisição de mudas de frutas e instrumentos agrícolas, os produtores e extrativistas também recebem capitação e orientação técnica da Seaprof. Mâncio Lima, Rodrigues Alves, Cruzeiro do Sul e Marechal Thaumaturgo, juntos, agregam quase sete milhões em investimentos do Programa de Fruticultura.

Segundo o titular da Seaprof, João Thaumaturgo Neto, a gestão estadual garante o apoio para o agricultor familiar ter melhorias em sua renda e mais qualidade de vida. A afirmação do secretário pode é facilmente comprovada com os resultados socioeconômicos alcançados expressivos.

O Acre é quarto estado do país com maior crescimento acumulado do Produto Interno Bruto (PIB) – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE/2017).

Leia também: Produtores celebram investimento de três milhões na fruticultura

Por Maria Meirelles

Fonte agencia.ac.gov.br

Comentários